SÉRIE SENTIDOS - TATO


"Os olhos da pele!"

Com esse mesmo título o arquiteto finlandês, Juhani Pallasmaa, escreveu seu livro provocando uma reflexão sobre a importância da arquitetura sensorial, principalmente o tato como ponto de partida para os outros sentidos.

A pele, além de ser o maior órgão do nosso corpo é o mais sensível! É pelo tato que interagimos mais com o ambiente. Muitos se deixam levar pela visão, mas façam um teste: em um local seguro, se preferir sentados, fechem seus olhos e sinta o ambiente a sua volta. Como é o piso? Sinta a densidade de onde estão sentados, estão confortáveis ou não? Por incrível que parece um projeto de arquitetura e decoração que trabalhe bem com foco nos sentidos proporciona muito mais sensação de bem estar que simplesmente um belo projeto.

Muitas são as formas para explorar esse sentido no ambiente. Podemos trabalhar com texturas, no piso com tapetes felpudos ou mais rústicos como sizal, ou o próprio piso com uma grande variedade de oferta de materiais no mercado para todos os gostos. Revestimentos de poltronas, sofás, cadeiras e pufs são ótimos para trabalhar com tecidos texturizados, algodão, veludo, cetim, crochê e seda. As almofadas e mantas são versáteis e fáceis para trocas rápidas. Nas paredes podemos trabalhar com painéis 3D, adesivos e papéis de parede. A tecnologia também auxilia muito com pisos radiantes e porta toalhas aquecidas. A climatização faz parte deste sentido. Pensar nas possibilidades de ventilação cruzada, cortinas, brises e persianas.

Fascinantes as possibilidades! Quer saber mais? Fale conosco! Deixe seu comentário ou por email: contato@archisimples.com.br

#arquitetura #sensorial #decoração #interiores #tato #sentidos #conforto


Posts Em Destaque